1 de mai de 2014

Te vi.
Nos falamos
os olhos souberam,
a boca não veio,
a vista no meio
o barulho da praça
ficamos sem inteiros
enterrados no seio a parte
entre arte, soneto
aspas e fonética
Ética educada e onírica
rica em todo texto reticente
e poética.
Nos vimos, nos falamos
e era você
dentro de um qualquer
sem existir.

Carola Bitencourt
29/04/2014